Gilmar camisa polo Schneider quer aumentar a direção do Lobo para depois pensar no futebol.

O Lobo tem tempo. Só voltando a atuar em agosto, o Pelotas tem alguns meses para se planejar e tentar achar a melhor diretriz para o segundo semestre. Porém, planejamento é tudo. Para não incorrer nos mesmos erros do Gauchão, a ideia é ter definido a estrtutra do departamento de futebol o quanto antes, mas ainda assim, essa não é a prioridade de momento do presidente Gilmar.

Em coletiva concedida na sexta-feira, Schneider ressaltou a importância de aumentar o quadro de colaboradores no dia-a-dia e preencher cargos estratégicos na gestão do clube: "Precisamos aumentar o pessoal do dia a dia. Depois das saídas do Manuel Nunes e do Manuel Soares, nosso grupo de trabalho diminuiu. Marcelo Neves ficou, mas saíria depois do Gauchão. E o Gabriel Ribeiro segue conosco, mas fica três dias da semana fora, pois trabalha em Porto Alegre. Vamos fazer uns convites, para depois pensar no futebol." - afirmou.