giovane gomez gol laj Lobo goleia o Lajeadense e termina na liderança do grupo e no geral.

O desfecho da primeira fase da Divisão de Acesso não poderia ser melhor para o Pelotas. A garantia da primeira colocação do Grupo B, a melhor campanha entre todos os participantes da Divisão de Acesso, 100% de aproveitamento dentro de casa (sete vitórias) e uma goleada de 4 a 1 diante do Lajeadense, que mandou para longe qualquer princípio de desconfiança que rondasse a Boca do Lobo. Agora é encarar o Esportivo em dois jogos pelas quartas de final.

A derrota de 3 a 2 para o Guarani, domingo, em Venâncio Aires, deixou o ambiente pesado, apesar da boa campanha e da classificação antecipada. Era preciso vencer o Lajeadense para restabelecer a confiança. O time de Paulo Porto fez mais do que isso: goleou e anda foi beneficiado por resultados paralelos para assegurar a melhor campanha do grupo e da classificação geral, com 26 pontos.

EFICIÊNCIA – O jogo estava equilibrado até o Pelotas marcar o primeiro gol. O Lajeadense mostrava posse de bola e jogadas pelos lados, com postura ofensiva. Só que um toque de mão na área do zagueiro Cabraia mudou o rumo da partida. Jean Roberto cobrou o pênalti e fez 1 a 0. Dois minutos depois, o segundo gol. Tom iniciou a jogada, Jean Roberto lançou Jarro, que se livrou do goleiro e foi ao fundo do campo. No cruzamento, Vitor Luís tocou na bola, que sobrou para Jean Roberto cabecear: 2 a 0.

O Lajeadense sentiu o gol e, em seguida, levou o terceiro. Cleverson passou para Juliano Tatto, que cruzou da esquerda. Jarro dominou na área e chutou rasteio, ampliando a vantagem. Em nove minutos, o Pelotas fez três gols. Em quatro conclusões a gol, acertou três – na outra tentativa o goleiro fez linda defesa em chute de Germano.

No segundo tempo, o time de Lajeado teve posse de bola e insistência. O Pelotas explorou os contra-ataques. Aos 10 minutos, Ricardo Bierhals avançou ao ataque e deu assistência para Giovane Gomes marcar o quarto gol. Só então, o Lobo diminuiu a fúria ofensiva. O Lajeadense seguiu insistindo no ataque e exigiu algumas defesas difíceis de Giovani. Até que Cris marcou o gol de honra, aos 35 minutos.

CURIOSO – Mesmo com a goleada sofrida por 4 a 1, o time do Lajeadense comemorou em campo ao final do jogo. A razão é justificada: a equipe de Lajeado conseguiu avançar às quartas de final, ocupando o quarto lugar do Grupo A, com 19 pontos. Foi beneficiado pelo fracasso do Bagé, que não conseguiu vencer em casa o São Gabriel (empatou por 1 a 1) – adversário que apenas cumpria tabela nesta última rodada.

PELOTAS

Giovani

Ricardo Bierhals

Dão

Felipe

Juliano Tatto

Tom

Germano (T. Gaúcho)

Jean Roberto (Jefferson)

Jarro

Cleverson

Giancarlo (G. Gomes)

Técnico: Paulo Porto

 

LAJEADENSE

Vitor Luís

Mano

Dadalt

Cambraia

Higor

Wellington Monteiro

Galópolis (Sienza)

Roger (Ariel)

Cris (Cadu)

Padu

Rael

Técnico: Serginho

Local: Estádio da Boca do Lobo, em Pelotas

Árbitro: Jonathan Pinheiro

Assistentes: Leirson Peng Martins e Fabrício Boseggio

Cartão amarelo: Felipe (P)

Gols: Jean Roberto (27min e 29min) e Jarro (35mim), do primeiro tempo; Giovane Gomes (10min) e Cris (35min) do segundo tempo

ESPORTIVO ENGRENOU NO 2º TURNO

O Pelotas vai enfrentar o Esportivo nas quartas de final da Divisão de Acesso. O primeiro jogo será no dia 20 de maio no Parque Montanha dos Vinhedos. O segundo ocorre dia 27 na Boca do Lobo. Quem passar por esse confronto pega o vencedor de Glória e Inter/SM na fase semifinal, que irá definir quem sobe para a primeira divisão.

Quem quer subir para a Série A não pode escolher adversário. Mas o Pelotas espera jogos complicados contra o Esportivo, especialmente em função do crescimento da equipe serrana no segundo turno da fase classificatória da Divisão de Acesso. “É um time que vem numa crescente muito grande. Fez a melhor campanha do segundo turno no Grupo B”, afirma o gerente executivo Rafael Farias.

No segundo turno do Acesso, o Esportivo ganhou cinco partidas e empatou duas. Ficou mais forte com a contratação de jogadores e a chegada do treinador Cristian de Souza. O time de Bento Gonçalves conta com jogadores experientes como o goleiro Luiz Müller, o zagueiro Fernando Cardozo, o meia Diego Torres e o volante Eduardinho, além de alguns ex-Pelotas: Tiago Gasparetto, Roger Bastos, Vinícius Martins e Hélder.

O Lobão terá um desfalque na partida de ida das quartas: o zagueiro Felipe recebeu o terceiro cartão amarelo no jogo de ontem.

DM