A classificação antecipada já é passado. Agora, a meta na Baixada é nos dois jogos restantes, conseguir o maior número de pontos possíveis, para o Brasil ser confirmado como um dos melhores aproveitamentos do certame.

E para a partida do sábado à noite, Zimmermann tem um desfalque já certo: o goleiro Eduardo Martini, que levou o terceiro cartão amarelo no domingo. E essa suspensão já era planejada, segundo o próprio técnico: “Para as pessoas que não sabem e vaiaram o Martini, eu é que pedi para que ele forçasse o cartão amarelo para cumprir contra a Cabofriense, e não corrermos o risco dele levar na última rodada e ficar fora do primeiro jogo de matas.” – disse. Sem Martini, Anderson deverá ser o goleiro na partida do sábado.

Já a dúvida é Wender. O lateral deixou o campo ainda no primeiro tempo da partida contra o Maringá, após acusar um problema muscular. O jogador segue em processo de recuperação no DM do clube. Caso não tenha condições, Raulen e Ricardo Schneider disputam a vaga.