Xavante joga mal e perde para o Brusque


 Não foi a estreia na 3ª fase da Copa do Brasil que todo Xavante queria. Diante de um adversário forte, o Brasil não conseguiu impor seu jogo e foi derrotado pelo Brusque por 1 a 0, no Bento Freitas, na noite desta quinta (12). A equipe rubro-negra até começou bem a partida, pressionando o adversário. Porém, ainda na primeira etapa, os visitantes abriram o placar, depois de um contra-ataque. Já na segunda etapa, os comandados do técnico Gustavo Papa ficaram com um jogadores a menos, quando Lázaro recebeu o cartão vermelho. Agora, para a partida de volta, o Xavante precisa vencer por dois gols de diferença. Uma vitória simples para o Brasil leva a decisão da vaga para os pênaltis. O jogo de volta acontece na quarta (18), às 20h30, no estádio Augusto Bauer, em Brusque.

O primeiro tempo começou com o Xavante no ataque. Gegê e Wesley criaram boas chances para abrir o placar. Os laterais Ednei e Bruno Santos também marcaram presença na área adversária. Porém, foi o Brusque que abriu o marcador. Aos 44, depois de um contra-ataque rápido, Thiago Alagoano chutou para o fundo da rede.

Na segunda etapa, o Brasil buscou o empate. Logo aos 3 minutos, Wellington Simião cabeceou sozinho, o goleiro Zé Carlos fez um verdadeiro milagre e evitou o gol Xavante. Mas aos 14, o zagueiro Lázaro recebeu cartão vermelho e deixou a equipe com um jogador a menos, o que impossibilitou o empate.

A partida de volta acontece na quarta (18), às 20h30, no estádio Augusto Bauer, em Brusque. Para avançar, o Brasil precisa vencer por dois gols de diferença. Uma vitória simples leva a disputa da vaga para os pênaltis.

Ficha técnica:
Brasil: Rafael Martins, Ednei, Lázaro, Heverton, Bruno Santos, Leandro Leite, Wellington Simião (Juninho Rocha), Revson, Gegê (Leandro Camilo), Cristian (Nathan) e Wesley. Técnico Gustavo Papa.
Brusque: Zé Carlos, Gustavo Henrique (Ruan Costa), Ianson, Everton Alemão, Airton (Neguetti), Rodolfo Potiguar, Zé Mateus, Alex Sandro, Thiago Alagoano, Marco Antônio (Dandan) e Edu. Técnico Jerson Testoni.
Gol: Thiago Alagoano, 44min1T (BRU).
Cartões amarelos: Leandro Camilo e Nathan (BRA); Gustavo Henrique e Dandan (BRU).
Cartão vermelho: Lázaro (BRA).

Fonte: Carlos Insaurriaga AI/BRA